Motoristas fazem filas em busca de combustível em Novo Hamburgo

por Jornal Canudos

A mobilização de caminhoneiros, que desde o início da semana acontece em todo o país, trouxe transtornos para motoristas que procuram combustíveis na manhã desta quinta-feira (24) em Novo Hamburgo. O preço do litro da gasolina chegou a ser encontrado por 5 reais em alguns postos ontem à noite.

Já na manhã de hoje, o litro é vendido, na média, a 4,50 reais. Filas são registradas em diversos locais. O Jornal Canudos percorreu alguns postos e foi informado de que, em alguns, já não há mais abastecimento, e motoristas são orientados a procurar outros locais. É o caso, por exemplo, do Posto Flex da Avenida Victor Hugo Kunz, no bairro Hamburgo Velho.

Em outro, na esquina da Rua Engenheiro Jorge Schury com a Marques de Souza, o combustível deve durar até, no máximo, meio-dia. Formaram-se duas filas de veículos, uma em cada rua. O sentimento geral dos motoristas é de apoio à mobilização. "Está na hora de dar um basta nesta situação", afirmou o motoboy José Carlos Cardoso, que havia chegado uma hora antes e ainda estava na fila para abastecer. "Rodei em vários postos, mas muitos já não têm mais combustível".

A auxiliar administrativa Sandra Borges também acha justa a manifestação. "Daqui a pouco já não haverá mais condições de viver com tantos impostos", diz.

Em outro posto, na Engenheiro Jorge Schury com a Juazeiro, a gerência afirmou que há combustível apenas até às 10h de hoje. O local ainda tem de 400 a 500 litros de combustível.

 

Deixe seu comentário

Comentar sem criar conta

0
Termos e Condições.

Comentários